Projetos

    <!doctype html>

    Documento sem título

    A Fundação Bernardo Feitosa, em parceria com a Secretaria da Cultura do Ceará, Conselho de Políticas Públicas para o Meio Ambiente/ CONPAM, Sebrae-Ce, Funarte, Coelce, Chesf, Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Caixa Econômica,MPX - Usina Solar de Tauá, Prefeitura de Tauá, IPHAN, Universidade Estadual do Ceará, Universidade Federal do Ceará, Museu de Arqueologia de Xingó - Sergipe, Fundação Casa Grande e Assembléia Legislativa do Ceará apoiam a execução de projetos e ações que fazem parte do escopo da instituição.

     

    Alguns Projetos da Fundação:

     

    • Seminário: “Construindo a Governança Ética e Democrática para um Desenvolvimento Municipal Sustentável”, em parceria com a Fundação Konrad Adenauer e a Prefeitura Municipal de Tauá;
    • Projeto Olho N’água em parceria com a Sinapse Consultoria;
    • Mapeamento Cultural e Ambiental de Tauá para o UNICEF;
    • I Workshop sobre Turismo Científico - Uma Opção para o Semi-árido, com 280 participantes;
    • II Workshop sobre Turismo Científico – Uma Opção Sustentável para o Semiárido, com 250 participantes;
    • I Festival Nordestino de Violeiros e Cantadores;
    • Campanhas de Educação Ambiental nas escolas municipais;
    • III Encontro Nordestino de Museus em parceria com o Museu de Arqueologia do Xingó – MAX, SEBRAE, CHESF, Prefeitura Municipal, IPHAN, BNB, BB, Assembléia Legislativa e Governo do Estado;
    • Exposição Intinerante “Xingó, 9000 Anos de Ocupação Humana”;
    • Exposição “Tauá – Dois Séculos de História”, com a visitação de 1973 pessoas;
    • Curso “Ação Educativa no Museu” em parceria com o Museu do Ceará;
    • Semana do Meio Ambiente, com uma Mesa Re-donda sobre a Sustentabilidade Ambiental no De-senvolvimento do Turismo Regional, com participação da SETUR, SEMACE, IBAMA, DNPM e PMT;
    • Articulação e acompanhamento da missão chinesa para implantação da Usina Solar em Tauá;
    • Levantamento dos “Olhos d´água” (fontes naturais), com análise físico-quimico e georeferenciamento, com publicação dos resultados, já em 2ª edição;
    • Pesquisa sobre a pecuária de médio porte da região em parceria com o SEBRAE – CE;
    • Exposição Itinerante: Testemunhos da Paleontologia e Arqueologia na Região dos Inhamuns;

     

     

    • Comemoração dos 50 anos da Casa de las Américas-Cuba;
    • Exposição Mulheres... Histórias... Memórias... Lançamento de livros.
    • Seminário Inhamuns: Identidade e Preservação Patrimonial, realizado nos municípios de Tauá, Arneiroz e Parambu;
    • Lançamento do Catálogo do acervo do Museu Regional dos Inhamuns;
    • Seminário Museu regional dos Inhamuns: Cultura e Cidadania;
    • Caminhada ecológica ao serrote do Quinamuiú;
    • I Sarau Lítero Musical Infantil - Construindo a Cidadania Cultural;
    • Oficina História, Ética e Cidadania nas escolas municipais de Tauá;
    • Exposição permanente Veredas de um Sertanejo;
    • Lançamento do livro Um Tributo a Joaquim de Castro Feitosa, fundador da Fundação Bernardo Feitosa;
    • Reforma, restauração e organização do acervo da Biblioteca Joaquim de Castro Feitosa.
    • Recolhimento de material paleontológico encon-trado em Baixa Funda, distrito de Marrecas, com posterior datação na Universidade de Toronto no Canadá de 4.410 A.P. (antes do presente) sendo presente 1950;
    • Mapeamento dos sítios arqueólogicos, com descrição técnica, georeferenciamento e plotagem em mapa – Projeto Mata Branca;
    • Realização do Curso de Formação de Agentes Patrimoniais com instrutores da UECE, do IPHAN e do DNPM, com 120 horas/aula e 30 participantes;
    • Seminários sobre História Oral – Projeto Cultura Agropastoril de Tauá – no Liceu de Tauá Lili Feitosa, em parceria com os Agentes Patrimoniais;
    • Ponto de Cultura – realização de diversas oficinas e saraus litero-musical;
    • Formação de Agentes Ambientais e Patrimoniais com 120 hora/aula e 40 participantes – Projeto Mata Branca;

     

     

    Mensagem da Presidente

    A Fundação Bernardo Feitosa tem 25 anos de existência e ação, completados a 02 de fevereiro de 2017. Sendo ela a guardiã e mantenedora do Museu Regional dos Inhamuns, nada mais coerente do que a apresentação e divulgação do seu acervo fruto da formação de uma coleção particular durante aproximadamente 60 anos e doada por Joaquim de Castro Feitosa, Maria Dolores de Andrade Feitosa e seus filhos para constituir o patrimônio da referida Fundação.
    Pelo contexto vemos a qualidade e a diversidade das peças do Museu que contam a Pré -história e a História da Região dos Inhamuns, passando por sua Mega Fauna, seus Indígenas, sua Colonização e sua Estabilização Econômica que formou uma Aristocracia Rural e sua Memória Religiosa e Popular.

     

     

     

    Hoje, não se concebe tal potencial somente preservado e exposto, há que ser utilizado num empreendedorismo cultural que gere suporte financeiro para si e trabalho remunerado para muitos.
    Agradecemos a todos os sócios, as entidades, às autoridades e à população que vêm possibilitando o desempenho das ações executadas com sucesso e sua manutenção e principalmente à equipe dedicada e voluntária que tornou este sonho possível.

    Tauá, novembro de 2017.
    Maria Dolores de Andrade Feitosa
    Presidente da Fundação Bernardo Feitosa

    © 2018 RM77.DESIGN. All Rights Reserved. Designed rm77.com.br
    Free Joomla! templates by AgeThemes